O objetivo desse artigo não é detalhar os erros de email do lado da infraestrutura, mas tentar focar nos erros mais comuns de emails do lado do usuário.

O objetivo desse artigo não é detalhar os erros de email do lado da infraestrutura, mas tentar focar nos erros mais comuns de emails do lado do usuário. E alguns desses podem ser resolvidos pelo próprio usuário, sem a ajuda de um técnico. Olhem as dicas abaixo:

• Ao enviar e-mail para algum destinatário, uma mensagem de erro é retornada. Sempre leia a mensagem de erro, pois no geral, ela é autoexplicativa. Mesmo assim, abaixo alguns erros mais comuns.

• Verifique a grafia do email digitado. Em muitos casos, uma letra é colocada erroneamente, tanto para mais, quanto para menos. Isso pode ser o suficiente para o email não ser entregue ao destinatário. Observe o caso abaixo. O destinatário deveria ser fulanon@teste.com.br. Mas repare que o email foi digitado com “M”, ao invés de “N”.

• Outro problema comum é você enviar anexos no seu email, com uma quantidade maior do que o provedor de emails do destinatário suporta. Por exemplo, sua empresa pode permitir que você envie até 50MB em anexos, mas o destinatário só recebe até 30MB. Neste caso seria interessante você dividir o email em duas ou mais partes, ou utilizar uma ferramenta que compartilha um link que o destinatário pode acessar e baixar os arquivos, tal como o OneDrive ou Google Drive.

• Os emails que te enviam não aparecem na sua caixa de entrada.

• Verifique se a sua caixa de email está cheia. Para verificar essa opção você pode pedir ajuda para o seu departamento de TI, pois esse local pode mudar de provedor para provedor. Mas se você tiver atingido o máximo de sua caixa de email, você não receberá nenhum email, assim também como ficará impedido de enviar, em alguns casos.

• Se você utiliza o Microsoft Outlook, você pode tentar fechar e abrir o aplicativo novamente, pois em alguns casos, o software trava, e deixa de sincronizar os emails com o provedor.

• Verifique sempre a sua caixa de SPAM (Lixo Eletrônico). Muitas vezes, emails que foram categorizados como SPAM são movidos para essa pasta, e não aparecem em sua caixa de entrada.

• Verifique também se você não possui alguma regra criada em seu cliente de email, que move emails de determinados domínios para outra pasta.

• Os emails que você envia, não são recebidos por alguns usuários.

Neste caso, o que pode ocorrer é que o seu servidor tenha caído em uma “Blacklist”. Para tentar mitigar os problemas com SPAMs, muitos servidores consultam essa lista pública, e caso seu servidor esteja categorizado nessa lista, ele irá recusar os seus emails. Neste caso, peça ajuda para o seu departamento de TI.

foto-jose-anderson-vila-nova

José Anderson Vila Nova
Cloud Architect
anderson.vilanova@darede.com.br

O José Anderson Vila Nova Profissional de Infraestrutura com ênfase em produtos Microsoft, com experiência no suporte e implantação de aplicativos e serviços. Ele possui diversas certificações técnicas e das duas maiores plataformas de serviços em nuvem: a MS100 da Microsoft e a AWS Cloud Practitioner.

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Kubernetes

Entenda de forma técnica como expor serviços HTTP, TCP e UDP no Network Load Balancer e NGINX Ingress Controller no AWS EKS. – Artigo de Leandro Damascena

Nós usamos cookies para garantir e oferecer a melhor experiência de navegação em nosso site! Mais informações