Está ciente das oportunidades de redução de custos na Nuvem? Descubra como o Cost Optimization Hub da AWS pode te auxiliar!

12/03/2024

Por Kauê Fernandes Braz.

Estar ciente das oportunidades para realizar reduções de custo de maneira eficiente é essencial durante uma jornada de sucesso na Nuvem. A AWS anunciou o Cost Optimization Hub que poderá te ajudar nestas otimizações de custo, quer saber como? Acompanhe o blog abaixo.

O que é o Cost Optimization Hub?

Durante o Re:Invent 2023, evento da AWS realizado em Las Vegas, foi anunciada esta nova feature do Billing and Cost Management, serviço que serve para realizar o gerenciamento do seu faturamento, planejar e otimizar seus custos dentro da AWS.

O Cost Optimization Hub foi criado para fornecer recomendações sobre os recursos provisionados nas contas numa organização, algumas de suas recomendações podem ser relacionadas a RightSizing, Savings Plans, instâncias Reservadas, parar recursos ociosos e entre outras recomendações que poderão garantir a redução.

Recursos suportados

O Cost Optimization Hub centraliza as ações do AWS CFM, AWS Cost Explorer, e AWS Compute Optimizer, esta ferramenta é muito favorável para times de FinOps ou quem quiser entender melhor de otimização de custo da organização.

Segundo a página do serviço de Billing and Cost Management no AWS Documentation, o Optimization Hub oferece suporte para os seguintes serviços:

  • Amazon Elastic Compute Cloud (Amazon EC2) instances;
  • Amazon EC2 Auto Scaling groups;
  • Amazon Elastic Block Store (Amazon EBS) volumes;
  • AWS Lambda functions;
  • Amazon Elastic Container Service (Amazon ECS) tasks on AWS Fargate;
  • Compute Savings Plans;
  • EC2 Instance Savings Plans;
  • SageMaker Savings Plans;
  • EC2 Reserved Instances;
  • Amazon RDS Reserved Instances.
  • OpenSearch Reserved Instances
  • Amazon Redshift reserved nodes
  • ElastiCache reserved nodes

Recomendações

O grande diferencial desta novidade são as recomendações que são fornecidas, vamos entender melhor como funciona cada uma delas:

RightSizing

RightSizing é o dimensionamento correto, e isso é o processo de combinar tipos e tamanhos de instâncias com o desempenho da carga de trabalho e os requisitos de capacidade com o menor custo possível. É também o processo de analisar as instâncias implantadas e identificar oportunidades para eliminar ou reduzir o tamanho sem comprometer a capacidade, ou outros requisitos,  resultando em custos mais baixos. O RightSizing é um mecanismo fundamental para otimizar os custos da AWS, mas muitas vezes é ignorado quando as organizações não têm o seu conhecimento.

Parar recursos ociosos

Quando falamos de recomendações de recursos ociosos, estamos dizendo sobre a possibilidade de parar este recurso por não estar sendo utilizado e, ao mesmo tempo, gerando custo, então é importante termos uma análise mais aprofundada sobre os recursos no ambiente e se atentar para o acúmulo de recursos ociosos que podem  gerar um aumento no faturamento da organização.

Instâncias Reservadas

Instâncias Reservadas na AWS são contratos de longo prazo que oferecem descontos substanciais em comparação com instâncias sob demanda. Ao comprometer-se com uma capacidade computacional específica por 1 ou 3 anos, os usuários garantem acesso à capacidade reservada, proporcionando economias significativas. Permitem a mudança entre tipos de instâncias dentro da mesma família, sendo ideais para cargas de trabalho estáveis e previsíveis. Esse modelo contribui para otimizar custos e maximizar a eficiência financeira na nuvem.

Savings Plans

Dentro de Savings Plans há 3 tipos, o Compute Savings Plans e o EC2 Instance Savings Plans. O Compute Savings Plans providencia um desconto no uso de alguns recursos de computação dentro da AWS, são eles as instâncias EC2, Amazon EMR, AWS Lambda e Amazon ECS. O compute Savings Plans tem um desconto de até 66% comparado com o modelo sob demanda.

Já o EC2 Savings Plans é mais específico para Instâncias EC2, eles oferecem desconto de até 72% comparados com o modelo sob demanda, são essenciais para workloads previsíveis, porém são menos flexíveis que o Compute Savings Plans. Por último, há o Amazon SageMaker Savings Plans que reduzem até 64% do custo de uma instância de Machine Learning do SageMaker.

Migração Graviton

A migração para processadores Graviton está sendo mais frequente pelo fato de suportar um amplo conjunto de workloads na AWS, mas também por serem 20% mais baratas que os processadores x86, além de também  usar até 60% menos de energia que estes processadores, sendo uma opção mais sustentável.

Upgrade

Realizar atualizações para as versões mais atuais nos recursos que o Cost Optimization Hub oferece suporte.

Como utilizar?

Dentro da conta de gerenciamento, é possível realizar a ativação do Cost Optimization Hub para refletir a análise em todas as contas da organização ou somente realizar a ativação para aquela conta em específico.

Agora dentro do Cost Optimization Hub,  interativamente, é possível você realizar filtragens parecidas com o AWS Cost Explorer, neste caso vamos analisar alguns filtros possíveis:

Contudo, desta maneira se torna mais fácil a análise destas recomendações, principalmente por ter o filtro próprio para vermos cada recomendação recebida.

Dentro da CLI, para sabermos quais comandos estão disponíveis para o Cost Optimization Hub, só precisamos digitar aws cost-optimization-hub help e será retornado os seguintes comandos:

Conclusão

O AWS Cost Optimization Hub é uma ferramenta projetada para simplificar e aprimorar a análise e o gerenciamento de redução de custos na AWS. Essa solução concentra informações relacionadas aos custos, oferecendo uma visão abrangente e simplificada para organizações. Em síntese, o AWS Cost Optimization Hub é uma ferramenta abrangente que capacita organizações a tomar decisões informadas sobre redução de custos. Ele fornece visibilidade, opções de filtragem personalizadas e recomendações, contribuindo para a otimização contínua dos gastos na AWS.

foto-kaue-braz
Kauê Braz Assistente de Infraestrutura em Nuvem.
kaue.braz@darede.com.br

Kauê Braz é formado em Técnico em Redes de Computadores pelo SENAI e atualmente cursa Análise e Desenvolvimento de Sistemas pela FIAP. Ele possui as Certificações AWS: Cloud Practitioner, Solutions Architect Associate e Developer Associate.

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Como reduzir custos com o Instance Scheduler?

Uma das principais preocupações das empresas ao trabalhar em um ambiente em cloud é a questão dos custos. Pensando nisso, nossos #cloudspecialists Flávio Rescia e Gustavo Lima prepararam um artigo completo sobre como podemos reduzir custos utilizando o AWS Instance Scheduler!

Nós usamos cookies para garantir e oferecer a melhor experiência de navegação em nosso site! Mais informações